Buscar
 
 

Resultados por:
 

 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Polícia obriga sem-abrigo a sair do McDonald’s, depois de um estranho lhe ter pago refeição
Sab 3 Mar 2018 - 20:33 por PoderWAP

» Jogador de Futebol Ruben Semedo sequestrou Francês por dívida...
Sab 24 Fev 2018 - 20:29 por PoderWAP

» Presidente do Sporting foi gozado na Televisão Portuguesa
Sab 24 Fev 2018 - 20:26 por PoderWAP

» Dispara e foge com uma mão algemada
Sab 24 Fev 2018 - 20:23 por PoderWAP

» Vigia bares para violar na Baixa de Lisboa
Sab 24 Fev 2018 - 20:21 por PoderWAP

» Polícia obcecado preso por colegas
Sab 24 Fev 2018 - 18:16 por PoderWAP

» Rede mantinha escravas sexuais em vinte bordéis
Sab 24 Fev 2018 - 18:14 por PoderWAP

» Sair à noite? Saiba quais são as 70 discotecas e bares de risco em Lisboa, Porto e Albufeira
Sab 24 Fev 2018 - 18:11 por PoderWAP

» Oiça Pedro Dias a acusar GNR de ter morto Luís e Liliane Pinto. (Pedro Dias falou no tribunal)
Ter 20 Fev 2018 - 0:33 por PoderWAP

» Casal de Namorados assaltados no metro em Lisboa
Ter 20 Fev 2018 - 0:31 por PoderWAP

» Encerramento de 63 Escolas Primária no final do ano letivo.
Ter 20 Fev 2018 - 0:28 por PoderWAP

» Uma razão para ter um BMW...
Ter 20 Fev 2018 - 0:26 por PoderWAP

» Carnaval de Viseu
Ter 20 Fev 2018 - 0:22 por PoderWAP

» Prostituição em Viseu gera polémica...
Ter 20 Fev 2018 - 0:20 por PoderWAP

» As melhores praias de Portugal para 2018... (Melhor destino para se viajar)
Qui 18 Jan 2018 - 20:30 por PoderWAP

» Mundial de Motocross. Sobe a rampa ou leva com a moto na cabeça? (As maiores quedas)
Dom 14 Jan 2018 - 21:36 por PoderWAP

» Comédia a Mixórdia, rir só mesmo no Norte de Portugal
Dom 14 Jan 2018 - 21:32 por PoderWAP

» Operações da polícia no tráfico de droga e violência nas ruas. Polícia ao Extremo
Sab 13 Jan 2018 - 1:22 por PoderWAP

» Desastres aéreos. Quedas de Aviões e Helicópteros, os melhores Acidentes Aéreos 2017/2018
Sex 12 Jan 2018 - 0:39 por PoderWAP

» Desastres aéreos. Quedas de Aviões e Helicópteros, os melhores Acidentes Aéreos 2017/2018
Sex 12 Jan 2018 - 0:21 por PoderWAP

» O Manuel foi roubado mas deu conta do ladrão! E se dá mal a tentar apanhar o gatuno...
Qua 10 Jan 2018 - 23:42 por PoderWAP

» Como descobrir a password do wireless de um vizinho. (Sacar internet a borla muito simple e eficaz)
Qua 10 Jan 2018 - 23:31 por PoderWAP

» 4 homens destroem um carro em 2 minutos
Qua 10 Jan 2018 - 14:51 por PoderWAP

» Os piores desastres de 2017 (acidentes filmados na hora)
Qua 10 Jan 2018 - 14:43 por PoderWAP

» Como descobrir uma password do Facebook! Aprende como fazer.... Veja o vídeo, método funcional
Qua 10 Jan 2018 - 14:33 por PoderWAP

» Relembrar o ano que passou dos nossos políticos acompanhados com a quadra natalícia... (Os Bonecos)
Sex 5 Jan 2018 - 18:11 por PoderWAP

» Velha Portista sem papas na língua!
Sex 5 Jan 2018 - 17:39 por PoderWAP

» O recordar a trágica calamidade. A vergonha do Estado Português!
Sab 4 Nov 2017 - 20:14 por PoderWAP

» Violência Gratuita nas ruas de Lisboa... Cada vez mais nas ruas de Portugal, assista ao vídeo!
Sab 4 Nov 2017 - 20:07 por PoderWAP

» Violência a entrada de Discotecas em Portugal
Sab 4 Nov 2017 - 19:58 por PoderWAP

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Galeria


Conectar-se

Esqueci minha senha

Votação

Vais ver Red Bull Air Race?

 
 

Exibir resultados


Ordem de Trump revogada: "Nós sabíamos que éramos legais"

Ir em baixo

05022017

Mensagem 

Ordem de Trump revogada: "Nós sabíamos que éramos legais"






Casa Branca emitiu comunicado a classificar de "escandalosa" a decisão do juiz. Minutos depois retirou a adjetivação. Governo de Trump já prometeu que irá lutar nos tribunais
Donald Trump acusou o golpe. A afronta. "A opinião deste alegado juiz é ridícula e vai ser anulada", escreveu o presidente norte-americano ontem de manhã bem cedo na rede social Twitter. Foi assim que reagiu à decisão do juiz federal de Washington James Robart, que na sexta-feira pôs um travão, aplicável a nível nacional, à ordem executiva de Trump que proibia a entrada nos EUA de nacionais de sete países de maioria muçulmana - Iémen, Irão, Iraque, Líbia, Síria, Somália e Sudão.
O governador de Washington, Jay Inslee, congratulou-se com a decisão de Robart: "Ninguém está acima da lei, nem mesmo o presidente". O volte-face provocado pelo juiz levou a que muitos viajantes que estão na posse de um visto válido se tenham apressado a comprar os bilhetes de avião, com medo de que esta janela de oportunidade possa vir a ser de curta duração. "Estou feliz por finalmente irmos viajar. Conseguimos. Nós sabíamos que éramos legais. Tínhamos razão", disse à agência Reuters Fuad Sharef, um iraquiano que há uma semana foi impedido de viajar com a família. Ontem terá seguido de Erbil, no Iraque, para Istambul, na Turquia, e finalmente para Nova Iorque.
Robart questionou a ordem executiva de Trump argumentando, por exemplo, que desde o 11 de Setembro não houve qualquer ataque terrorista nos EUA perpetrado por nacionais dos sete países visados. O juiz sublinhou que para que a ordem de Trump pudesse ser constitucional era preciso que fosse "baseada em factos e não em ficção".
O Departamento de Estado viu-se obrigado a aceitar a decisão judicial. "Revertemos a revogação provisória dos vistos [na sequência da ordem executiva de Trump]. Aqueles que tenham vistos de entrada válidos podem viajar para os EUA", afirmou um porta-voz do Departamento de Estado.
Além do desabafo irado de Trump no Twitter, a Casa Branca reagiu oficialmente. "O Departamento de Justiça tenciona recorrer desta escandalosa decisão o mais rapidamente possível e assim defender a ordem executiva, que consideramos ser apropriada e dentro da lei", pode ler-se no comunicado divulgado por Sean Spicer, o porta-voz da administração de Trump. Minutos depois o documento foi substituído por um idêntico, mas já sem a palavra "escandalosa".
James Robart está no cargo desde 2004 e foi nomeado pelo ex-presidente George W. Bush. O juiz federal já tinha aparecido nas notícias no ano passado, devido a uma intervenção num caso que opôs a administração Obama à polícia de Seatlle. Em causa estava o excesso de violência policial. "As vidas dos negros têm valor", disse então Robart. A frase foi amplamente difundida nos jornais e nas redes sociais.
Em protesto contra a política de Donald Trump, o MoMA decidiu também agir de forma simbólica. Na sexta-feira, obras de artistas iraquianos, iranianos e sudaneses substituíram nas paredes do Museu de Arte Moderna de Nova Iorque pinturas de nomes como Pablo Picasso ou Henri Matisse. "Este trabalho é de um artista nativo de um país cujos cidadãos são impedidos de entrar nos Estados Unidos (EUA), de acordo com o decreto presidencial de 27 de janeiro de 2017", pode ler-se agora na inscrição que está afixada ao lado de cada obra.
Ontem, igualmente em protesto contra Trump, milhares de pessoas reuniram-se em Londres no exterior da embaixada dos EUA. Ao mesmo tempo, nos EUA um movimento de resistência civil promete que durante os próximos meses irá encher de gente as ruas de várias cidades. "O país está mobilizado contra Trump. Desde os movimentos contra a Guerra do Vietname nos anos 60 que não assistíamos a este nível de mobilização política", explica ao DN o historiador Peter Kuznick da Universidade Americana em Washington.
avatar
PoderWAP
Admin

Mensagens : 680
Pontos de Prémios : 2147486479
Data de inscrição : 24/08/2010
Idade : 29
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário http://www.poderwap.info

Voltar ao Topo Ir em baixo

Compartilhar este artigo em: diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum